A pratica da justiça



Amados leitores do EC, a paz de Jesus!

Estive uns dias ausente, mas por um motivo justificado de viagem e estudos, inclusive da Palavra de Deus.

Hoje quero falar de um tema desafiador: A prática da justiça.

No livro de Mateus lemos que devemos nos guardar de exercer a nossa justiça diante dos homens, não raro, essa também é a premissa do Direito, mas na mensagem da Bíblia temos algo ainda mais justificador para essa justiça, que é o nosso galardão junto de vosso Pai Celeste.

Na Bíblia, a palavra “justiça” é usada em pelo menos dois sentidos básicos:

1) Justiça imputada ou justificação: o ato de Deus pelo qual ele nos liberta da culpa do pecado e nos declara justos em virtude da obra redentora de Cristo.

2) Justiça ética (santificação): conduta íntegra de conformidade com a lei de Deus e que agrada a Deus.

A justiça pela qual devemos ter um intenso e contínuo desejo está relacionada com a obediência à lei de Deus.

Ter fome e sede de justiça é ter prazer em obedecer à lei de Deus que é perfeita e justa. A prática da justiça que agrada a Deus é aquela que busca a glória do Seu Nome e está baseada na sua lei.

O Senhor Deus nos deu a sua lei, especialmente os dez mandamentos, em que ele nos aponta o caminho da justiça que devemos buscar continuamente. Espero que esse seja o desejo do seu coração!

Que Deus lhe abençoe e que a Sua justiça prevaleça para sempre em sua vida!

Amem!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentário(s)

Pesquisar este blog