30 de ago de 2010

Série: Livros da Bíblia - EFÉSIOS


Amados leitores, a paz de Jesus.

Hoje quero trazer a reflexão de um livro muito especial da Bíblia, o livro de Efésios. Mas antes de iniciar a reflexão, quero deixar um traço particular meu aqui nessas breves linha e justificar por que digo que Efésios é um livro muito especial. 

Na minha experiência com Cristo, foi o primeiro livro da Bíblia que tive contato, no tocante ao que li: “Por causa disto me ponho de joelhos perante o Pai de nosso Senhor Jesus Cristo! 

A Palavra de Deus se revela de forma particular e peculiar a cada um. Mas essa mensagem traz pra mim a certeza de que independente do momento de nossas vidas, por todas as causas é que devemos nos colocar  de joelhos para Deus.
E saber que esse Deus tão majestoso se apresenta todos os dias em nossa vida.
“E conhecer o amor de Cristo, que excede todo o entendimento, para que sejais cheios de toda a plenitude de Deus.

É nesse livro que encontramos também a armadura do Cristão!
A reflexão desse livro é de grande importância e edificação na vida dos cristãos.
Começo contando sobre o apóstolo Paulo que na sua terceira viagem missionária passou quase três anos na cidade de Éfeso. E essa cidade se tornou um importante centro do trabalho cristão na província romana da Ásia, que ficava numa região que hoje faz parte da Turquia. A Carta aos Efésios foi escrita quando Paulo estava preso.
 O assunto principal desta carta é o plano de Deus de "unir, no tempo certo, debaixo da autoridade de Cristo, tudo o que existe no céu e na terra". A carta não trata de nenhum problema particular dos leitores, mas fala de um modo geral a respeito da Igreja e da vida cristã. E, ao contrário do que acontece nas outras cartas, no fim desta não aparece nenhuma saudação pessoal. Pois é bem possível que a carta tenha sido escrita não somente para os cristãos de Éfeso, mas também para os de outros lugares. 
Na primeira parte da carta, o apóstolo fala de como os cristãos são um só povo por causa da morte de Cristo na cruz e também de como o Espírito Santo lhes dá o poder de viverem sempre unidos uns com os outros.
Na segunda parte, ele fala da nova vida que os seguidores de Cristo têm por estarem unidos com ele. E fala também de como essa vida se manifesta no relacionamento deles uns com os outros.
Grandes similaridades há entre Efésios e Colossenses, fazendo uma leitura paralela dos dois livros mostra muitos pontos iguais e estruturas paralelas. Mas, os livros não são iguais. Colossenses frisa a primazia de Cristo. Efésios, também, fala de sua primazia, mas destaca mais o papel da igreja no plano eterno de Deus.
Entre os assuntos tratados neste livro:

As bênçãos espirituais em Cristo
A primazia de Jesus Cristo
A salvação pela graça mediante a fé
A paz em Cristo
O plano eterno de Deus para a igreja
Os dons concedidos à igreja para promover a edificação dela
A importância da santificação
A conduta cristã em várias relações: marido/mulher, pais/filhos, servos/senhores
A armadura de Deus para enfrentar os inimigos espirituais
A fim de tornar mais claro o que quer dizer a união do povo de Deus, o apóstolo usa três figuras para a Igreja: a de um corpo, do qual Cristo é a cabeça; a de um edifício, do qual Cristo é a pedra fundamental; e a de um casal, no qual a Igreja é a esposa, e Cristo é o marido.

Deus abençoe a todos!
Aceitem o desafio de ler e refletir sobre o livro de Efésios durante essa semana.

Um comentário:

comentário(s)

A importância de ter um tempo EXCLUSIVO PARA ORAÇÃO!

Hoje em meu devocional/MAPA eu aprendi sobre a importancia de ter um tempo EXCLUSIVO PARA ORAÇÃO! Como é preciosa a lição trazida em Mt 6....