25 de jan de 2011

A Pessoa do Espírito Santo


Não existe forma maior de expressar nosso amor para o Senhor do que nos rendendo ao Seu Santo Espírito todos os dias. Na verdade, isto é absolutamente fundamental, se você quiser conhecer a pessoa do Espírito Santo intimamente e experimentar da Sua atuação profundamente. Mas a rendição só é possível através da oração e de um coração quebrantado diante do Senhor.
Não existe um dom especial envolvido, apenas quebrantamento e rendição. Por isso a pergunta não é, "eu tenho o dom?" A pergunta é, "eu consigo me render totalmente a Ele?"É como o processo começa. Quando você conhece o Senhor, é quando Ele começa a Se manifestar e a manifestar o Seu amor por você. E se inicia uma comunhão que cresce e se intensifica até você chegar ao ponto de dizer: "Senhor Jesus, Te entrego minha vida, minha mente, meu coração, meus sonhos, minhas emoções, meus pensamentos; dou todos eles para Ti. Rendo meu espírito, minha alma e meu corpo. Faça a Sua vontade comigo."
E é quando você se rende a Ele que o Espírito Santo começa a te ensinar, não apenas sobre você mesmo, mas sobre tudo o que o Pai tem para você (Jo. 14.26). É quando Ele começa a dividir com você Sua força e fé viva. Como Isaías declarou: "na tranqüilidade e na confiança está a vossa força" (Is. 30.15)
E então, tudo sobre a Palavra de Deus se torna mais forte e tudo sobre a oração se torna mais rico. Uma passagem da Bíblia que você já leu 10.000 vezes torna-se mais poderosa do que nunca, por causa da presença do Espírito Santo. Sua comunhão com Deus fica mais rica do que nunca, tudo por causa da presença do Espírito Santo. Virão uma paz e uma tranqüilidade em sua vida e, pela primeira vez, você entenderá o que o Senhor Jesus quis dizer quando falou: "A minha paz vos dou." Tudo isso se torna seu, por causa do Espírito Santo.
E então, tudo sobre a Palavra de Deus se torna mais forte e tudo sobre a oração se torna mais rico. Uma passagem da Bíblia que você já leu 10.000 vezes torna-se mais poderosa do que nunca, por causa da presença do Espírito Santo. Sua comunhão com Deus fica mais rica do que nunca, tudo por causa da presença do Espírito Santo. Virão uma paz e uma tranqüilidade em sua vida e, pela primeira vez, você entenderá o que o Senhor Jesus quis dizer quando falou: "A minha paz vos dou." Tudo isso se torna seu, por causa do Espírito Santo.


24 de jan de 2011

19 de jan de 2011

Meu Segredo!


Vou contar o segredo que trouxe uma estabilidade enorme na minha vida. O primeiro que fiz diante de tudo (adversidades, problemas e responsabilidades) é priorizar Deus na minha vida.

Ele é o Autor da vida. Ele traz segurança e equilíbrio. Ele traz à existência aquilo que não tenho capacidade de trazer. Ele me dá forças para combater as fraquezas, as adversidades, etc… Ele toma o controlo de tudo quando dou o melhor para Ele, logo de manhã. Tudo que demorava tempo para se organizar, Ele prospera, dá idéias e te faz concluir com as obrigações, somando estabilidade.

Dou o melhor para Ele. E vou dizer, é daí que encontro força para rebater todos os obstáculos. Oro com o que tenho a dizer a Deus. Falo com sinceridade. Depois leio a Bíblia. As palavras escritas nas Escrituras Sagradas saem do papel, passam a ser vida dentro de mim, porque não leio de forma a aprender uma história e sim para trazer vida para mim.

É assim, esse é o meu segredo! Tenho inúmeras responsabilidades, mas todas estão sendo controladas. Não são as responsabilidades que me controlam!!! Não!!! Tudo está sob controlo porque o Autor da vida tem me guiado!

17 de jan de 2011

“Manual da Prosperidade”


Ditoso, feliz, venturoso, bem-sucedido, afortunado são algumas qualidades que adjetivam o temo: PROSPERIDADE!

Essa palavrinha “mágica” que mexe tanto com o imaginário humano vem do latim prosperitate, refere-se à qualidade ou estado de próspero e também pode designar um período de ascensão econômica.

Entrando agora na seara pessoal, uma forma simples de entender a prosperidade é considerá-la num triângulo: dinheiro, saúde e amizade.

O equilíbrio desses três fatores classificariam aquilo que poderíamos que chamar de uma pessoa próspera. Na literatura do tipo auto-ajuda que trata do tema prosperidade costuma limitar-se a prosperidade como sinônimo de dinheiro, o que não é toda a verdade, mas, será que é só isso?

Vamos explorar diretamente da fonte do manual da prosperidade: A BÍBLIA SAGRADA!

PROSPERIDADE BÍBLICA

No sentido bíblico, prosperidade é a medida das bênçãos de Deus, segundo Sua vontade. Não se trata apenas de “ser rico” ou ter “ótima saúde”, mas possuir algo muito valioso que tudo isso como: sabedoria, dons, bons relacionamentos conjugais, filhos obedientes e fiéis a Deus, honras, paz, segurança, etc.

Ao longo da história humana, Deus tem usado de pessoas prósperas para abençoar seu povo como: Abraão, Isaque, José do Egito, Davi, Salomão, e tantos outros.

Mas afinal, como obter prosperidade?

  1. Sendo obediente: Pois a obediência á vontade de Deus que leva o homem a paz, harmonia, segurança, e usufruir dos benefícios que Deus tem reservado àqueles que O amam Reflita nas passagens: Ex 23.25, Dt 7.12-13, 11.13-15, Pv 28.20, Ap 22.7.
  2. Faça um voto de “prosperidade a Deus”: Voto de prosperidade é um voto feito á Deus, propondo-se a ser um canal de suas bênçãos, dessa forma, quanto mais bênçãos receber, mais a pessoa dará para outros. Exemplos Bíblicos que fizeram esse voto citamos Abraão, Jacó, Salomão... Reflita: At 20.35, Gl 3.14, Gn 28.22, 1 Rs 3.8-9.

A sabedoria, será cobrado responsabilidade! Pois é propósito de Deus que haja diligência com o que recebermos: o que pouco recebe, pouco será cobrado, o que muito recebe, muito será exigido (Lc 12.48). Existe um tribunal especial para nós, cristãos, para avaliar nossa fidelidade em relação àquilo que recebemos de Deus (“Tribunal de Cristo”: Rm 14.10, 2 Co 5.10).

PROSPERIDADE BÍBLICA X TEORIA DA PROSPERIDADE:

Dizem que por ser filho de Deus, temos o "direito" de termos o que quisermos! Vejamos o que diz a Bíblia:

1. Salomão não pediu riquezas... 1 Rs 3.9

2. O mendigo Lázaro era salvo, porém... Lc 16.20-23

3. Jesus não tinha onde reclinar a cabeça: Mt 8.20

4. Paulo viveu em constante pobreza: Fp 4.11

5. Porque Jesus pediu ao rico para desfazer-se dos bens? Lc 18.22

6. Os que querem ficar ricos caem em tentações: 1 Tm 6.9

7. Não podemos servir a Deus e as riquezas: Lc 16.13

8. Igreja Apostólica não tinha membros que se diferenciassem entre si nas posses: At 2.44-45

9. A recomendação para os discípulos: não ter 2 túnicas...Mt 10.9-10

10.A pobreza como honra ("o irmão de condição humilde"... Tg 1.9)

11.A oração que não é atendida: para gastar no luxo: Tg 4.3

12."Transformação dos elementos?". Onde? Na Bíblia? A alquimia é uma forma de feitiçaria! Ex 22.18, Ap 21.8

13.Na oração do Pai Nosso não há indicação de pedirmos além do necessário ("de cada dia..." Mt 6.11)

14.A colheita de cem por um é de natureza espiritual! Mt 13.23

15.A Bíblia exorta a procurar os melhores dons (1 Co 12.31), a buscar a Deus e Seu Reino (Is 55.6, Mt 6.33), etc. Não há passagem recomendando o acúmulo de bens (veja Pv 30.8-9, Sl 62.10, 1ì Tm 6.8)

16.O servo de Eliseu pegou lepra pela cobiça... 2 Rs 5.20-27

17.Cobiça como pecado: Lc 12.15-21, 1 Jo 2.16

18."Não amar as coisas do mundo", significa não desejá-las!1 Jo .15

19."Não ajunteis tesouro na terra..." Mt 6.19

20.José e Maria eram humildes. Sua oferta de sacrifício no templo foi um par de rolas (Lc 2.22-24), a mais simples oferta (veja Lv 12.6-8)

21.A fascinação da riqueza sufoca o crescimento espiritual Mc 4.19

22.O amor ás riquezas, raiz dos males 1 Tm 6.10

23.Riqueza como serviço: 1 Tm 6.17-19

24.Pedro e João não tinham oferta para dar ao paralítico: At 3.6

25.Transitoriedade e vaidade (Pv 23.5, Ec 2.18, 5.10)

26.Pobres no mundo, mas ricos para Deus (Tg 2.5)

27.Moisés abandonou sua riqueza e "status", para servir a Deus e ao Seu povo Hb 11.24-26

28.Prosperidade como resultado da obediência, e não dos "direitos": Dt 7.12-13, 11.13-15, etc.

29.A cobiça levou o povo de Israel a desobedecer e ser derrotado: Js 7.1-26

30.Deus usou Gideäo, da família mais pobre de Manassés, para libertar Israel: Jz 6.15

31.Jó, um justo, passou por um período de pobreza total: Jó 1.9-12

32."Ganhar o mundo inteiro" ou "perder sua alma"? (Mc 8.36). Veja também Lc 12.34

33.Qual o objetivo do evangelho? Prosperidade ou salvação? Veja Jo 20.31

Quando os anjos se alegram

11 de jan de 2011

Christiane Vera Felscherinow


Uma mulher triste, vazia e tola!

Assim diz o histórico da sua vida.

Este é um artigo sobre Christiane F. A garota alemã que nos anos 70 ficou famosa como a junkie juvenil Christiane F. Hoje aos 45 anos continua recebendo o mesmo título.

A história da vida da então conhecida na época como: Eu, Christiane F. - 13 anos, drogada e prostituída, sob o título original de: Christiane F. - Wir Kinder vom Bahnhof Zoo. Quando Kai Hermann e Horst Rieck, jornalistas alemães, colaboradores da famosa revista "Stern", realizaram uma pesquisa séria e corajosa ao entrevistarem Christiane F. e as pessoas ligadas intimamente à sua vida, como, por exemplo, sua mãe e o Pastor Jürgen Quandt, responsável pelo Centro de Jovens, onde Christiane iniciou sua ramática experiência com drogas.



No início de 1978, Christiane F. foi encontrada com quinze anos como testemunha num tribunal de Berlim quando concedeu uma entrevista que faria parte de uma pesquisa que seria realizada sobre a juventude.



O depoimento da garota emocionou os jornalistas que desde então decidiram transformar a historia dela em livro e posteriormente em filme.

Quando lidamos com um usuário de drogas que está no vício há anos - ou décadas - as primeiras impressões que eles nos passam são as de repulsa e depois pena. Esse não é o caso de Christiane Vera Felscherinow; a garota alemã que nos anos 70 ficou famosa como a junkie juvenil Christiane F. tinha (ou teve) tudo para sair da dependência das drogas, mas seu conceito vazio sobre a vida mostra o quanto o ser humano decide por si mesmo aceitar a derrota de uma vida triste, tola e infeliz!

"E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará  (João 8:32)
A verdade que libertaé DEUS. Se o dinheiro, o sucesso, a fama, títulos e prestígios fossem capazes de fazer alguem feliz, certamente essa jovem, hoje senhora que vem lutando entre idas e recaídas do vício da heroína certamente já teria tido respostas.

E não tem igreja, pastor, mãe, familia ou quaisquer outros atributos, o que nos liberta mesmo é a verdade.

Livres do apriosinamento das drogas!
Lvres da prostituição!
Livres das crises existencia!
Livres da depressão!
Livres da opressão etc.

Assim declara verdadeiramente quem conhece A Verdadee pode-se dizer LIVRE!

E qual a fundamentação dessa tão maravilhosa liberdade?

Em 2 Timóteo 3:16-17, Paulo disse: "Toda Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção, para a educação na justiça, a fim de que o homem de Deus seja perfeito e perfeitamente habilitado para toda boa obra.

Deus, contudo, não nos força a sermos libertos. Muitas pessoas são enganadas por Satanás e seus falsos mestres para que não possam discernir a liberdade do encarceramento. Infelizmente, muitas pessoas rejeitam a liberdade que Deus oferece e permanecem presas em seus próprios pecados.

 Jesus usou as palavras de um profeta do Velho Testamento, Isaías, para descrever a triste condição daqueles que não aceitam a liberdade divina: "Porque o coração deste povo está  endurecido, de mau grado ouviram com os ouvidos e fecharam os olhos; para não suceder que vejam com os olhos, ouçam com os ouvidos, entendam com o coração, se convertam e sejam por mim curados" (Mateus 13:15).

Creia!













Para Saber mais:
www.morgenpost.de/content/2007/05/18/berlin/900388.html
www.teenagewildlife.com/Othermedia/Film/CF1981/xinfo/manchete/
www.lesart.org/1994.pdf
www.stern.de/tv/597055.html

6 de jan de 2011

Pulseira do equilíbrio


Quem não conhece ou comprou (ou pensou em comprar) as pulseirinhas do equilíbrio? Pulseiras com hologramas que prometem trazer mais equilíbrio às pessoas.



De acordo com o dicionário Aurélio, a palavra equilíbrio quer dizer moderação, prudência, comedimento, autocontrole, autodomínio, controle.

Uma pulseirinha de borracha seria capaz tal façanha?

Assim resolveríamos todos os problemas tomando pílulas e usando acessórios mágicos!
Você já pensou sobre isso?
 
O equilíbrio no sentido espiritual significa um esforço sincero de aproximar o máximo possível da medida certa no tempo certo, tendo como árbitro a Palavra de Deus em seu todo. É, digamos assim uma arte difícil e pouco cultivada, em especial nos dias de hoje onde tantos procuram as”facilidades” da vida.

É importante salientar que equilíbrio não significa de modo algum covardia, inação, neutralidade nem fuga, muito embora possa servir de pretexto para estas práticas.

Deus não nos tem dado espírito de covardia, mas de poder, de amor e de moderação." (2 Timóteo 1: 7 Bíblia Sagrada)

Mas a sabedoria que vem do alto é, primeiramente pura, depois pacífica, moderada, tratável, cheia de misericórdia e de bons frutos, sem parcialidade, e sem hipocrisia." (Tiago 3: 17 Bíblia Sagrada)

"O fanatismo é a incapacidade de se afastar de algo para refletir sobre ele"

Exatamente o que aconteceu com as pessoas que acreditaram nas tais pulseirinhas do equilíbrio, bem como em horóscopos, cartas, tarô etc, etc


Fiquemos atentos, pois:

Tens tu notícia do equilíbrio das nuvens e das maravilhas daquele que é perfeito em conhecimento? (Jô 37:16- Bíblia Sagrada)





















5 de jan de 2011

A Aliança de Deus



A Aliança Divina é o acordo feito por Deus com o homem (inicialmente somente com seu povo: povo de Israel), por causa do amor, consistindo no cumprimento da promessa do Senhor aos patriarcas (Gn 17.1-8;28.13-15), pelo qual era o Deus da nação, dando-lhe proteção e abençoando-a, ao passo que seu povo lhe devia obediência (Dt. 7.7-11).

Em cumprimento das profecias (Jr. 31.31-34), Deus fez uma nova grande aliança, quando por meio da morte de Cristo, o seu novo Povo (todos aqueles que aceitaram JESUS como seu único Senhor e Salvador) , receberam a redenção dos pecados, bênçãos eternas, após uma vida de dedicação e serviço a Ele.

O Pastor Airton Evangelista explica com maestria que:
Aliança significa pacto, acordo, ajuste, concerto. Teologicamente, diz respeito a concerto entre Deus e o seu povo. O Antigo Testamento é chamado Antiga Aliança, e o Novo Testamento, Nova Aliança. O nosso Deus é Deus de alianças. Através delas, Ele, pelo seu imenso amor, nos dá a garantia de muitas bênçãos, se houver fé e obediência. A iniciativa do concerto sempre foi de Deus, que estabelece as condições."

 De fato nosso maravilhoso Deus, todo Poderoso, fez várias alianças no passado: com Adão (aliança adâmica), quando ofereceu o paraíso que era o Jardim do Éden, dando-lhe fatura de alimento, predominância sobre os animais e benção celestiais; em contrapartida o homem não deveria comer do fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal sob consequencia de experimentar a morte física, moral e espiritual (Gn 1.27-30; 2.16-17; 3.2-20).

Da mesma forma o Senhor fez aliança com Noé, com Abraão, com Isaque, com Jacó, com os Israelitas, e por fim nos firmou com a humanidade a maior e mais perfeita aliança  (Jeremias 31.31-33), firmada com o sangue puro  do Senhor Jesus que foi derramado voluntariamente no madeiro, através do qual nos "comprou" com um sacrifício expiatório perfeito que traçou aliança superior as anteriores.


Percebe-se através da inúmeras ofertas de alianças, a inestimável preocupação de Deus com sua criação amada; abriu portanto Jesus reconciliação entre a criatura e o Criador.

Referências bíblicas:


Mc 14:23-24:
"A seguir, tomou Jesus um cálice e, tendo dado graças, o deu aos seus discípulos; e todos beberam dele.
Então, lhes disse: Isto é o meu sangue, o sangue da {nova} aliança, derramado em favor de muitos."

 Mt 16:27-28:

"A seguir, tomou um cálice e, tendo dado graças, o deu aos discípulos, dizendo: Bebei dele todos;
porque isto é o meu sangue, o sangue da {nova} aliança, derramado em favor de muitos, para remissão de pecados"

Hb 6:13:

"Agora, com efeito, obteve Jesus ministério tanto mais excelente, quanto é ele também Mediador de superior aliança instituída com base em superiores promessas.
Porque, se aquela primeira aliança tivesse sido sem defeito, de maneira alguma estaria sendo buscado lugar para uma segunda.
E, de fato, repreendendo-os, diz: Eis aí vêm dias, diz o Senhor, e firmarei nova aliança com a casa de Israel e com a casa de Judá,
não segundo a aliança que fiz com seus pais, no dia em que os tomei pela mão, para os conduzir até fora da terra do Egito; pois eles não continuaram na minha aliança, e eu não atentei para eles, diz o Senhor.
Porque esta é a aliança que firmarei com a casa de Israel, depois daqueles dias, diz o Senhor: na sua mente imprimirei as minhas leis, também sobre o seu coração as inscreverei; e eu serei o seu Deus, e eles serão o meu povo.
E não ensinará jamais cada um ao seu próximo, nem cada um ao seu irmão, dizendo: Conhece ao Senhor; porque todos me conhecerão, desde o menor deles até ao maior.
Pois, para com as suas iniqüidades, usarei de misericórdia e dos seus pecados jamais me lembrarei.
Quando ele diz Nova, torna antiquada a primeira. Ora, aquilo que se torna antiquado e envelhecido está prestes a desaparecer."

Assim sendo,  "Já não é mais necessário sacrifício de animais para reparar nossas culpas, como no antigo concerto. O sangue do "Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo" manifestou-se por um ato único, perfeito e eficaz; o sacrifício voluntário de Jesus Cristo abriu o caminho da reconciliação do pecador com Deus." (Pr. Airton E. da Costa)
 

A importância de ter um tempo EXCLUSIVO PARA ORAÇÃO!

Hoje em meu devocional/MAPA eu aprendi sobre a importancia de ter um tempo EXCLUSIVO PARA ORAÇÃO! Como é preciosa a lição trazida em Mt 6....